Orientação Vocacional

A escolha da graduação acadêmica que determina nossa atuação profissional futura é ponto fundamental no Projeto de Vida de uma pessoa. Mais do que identificar uma vocação, baseado em sensações, influencias etc., na verdade definir com total segurança em que área do conhecimento e das relações humanas que deveremos atuar, visando a otimização da felicidade pessoal, satisfação auto realização e sucesso, alicerçada no desenvolvimento da nossa capacitação intelectual e cultural.

Nesse sentido o auto - conhecimento avulta com maior ênfase, já que, sem ele, dificilmente poderemos desenvolver, objetivamente, qualquer reflexão amadurecida e confiável, para determinação dessa escolha. Esse autoconhecimento nada mais é do que a identificação das características de nossa personalidade comportamental; das nossas maiores competências naturais; dos nossos estilos de ação, reação e enfim, daquele perfil natural imutável com o qual nascemos, embora sensível a ajustamentos e adequações, jamais será mutável na sua essência.

Por outro lado, essa escolha ocorre exatamente em ocasião pouco propicia do nosso ciclo evolutivo, tendo em vista que nossa personalidade ainda sofre impactos finais da adolescência, não existindo um equilíbrio reflexivo ajustado a uma decisão de tal envergadura, face aos comprometimentos envolvidos.